Irlanda: uma Biografia

A ilha da Irlanda é um personagem fundamental a moldar fatos, eventos e o destino dos povos que a habitam - eis por que este capítulo trata da Irlanda como um ser vivo -mais que uma abordagem histórica, o que faremos é entender como as terras e paisagens irlandesas - seu Corpo - influenciam a formação da identidade cultural da Irlanda - sua Alma.





comments (0) / Read More

O festival Cara Irlanda - os pôsters

Paisagem, Poesia, Liberdade, Espiritualidade ... Ao combinar imagens e as palavras de seus poetas e pensadores, estes paineis exibidos na exposição sintetizam diversos aspectos da Alma Irlandesa.


comments (1) / Read More

Música Irlandesa

E sem a música irlandesa, a vida seria extremamente tediosa! Afinal, o vigor e a energia da música tradicional da Irlanda é contagiante e influencia – direta ou indiretamente – muitos estilos e artistas modernos.

comments (2) / Read More

Quiz !

Desenvolvidos como brincadeira para pub, as várias versões de Quiz foram respondidas por frequentadores do pub O'Malleys. Eles tratam de diferentes aspectos da cultura, história e mitos da Irlanda. Que tal tentar?  

comments (1) / Read More

Links Recomendados

Nesta seção, endereços de websites que podem ajudar a quem está procuramdo informações sobre a Irlanda: de documentação a lazer, eventos e turismo. 

comments (3) / Read More

O festival Cara Irlanda - na midia



O BREJAS

17/03/2009


St. Patrick’s Day, ou o Dia de São Patrício

Você já deve ter ouvido falar neste nome, principalmente se você é apaixonado por cerveja, o que temos quase certeza que você é, já que está lendo este texto aqui no BREJAS. Se não reconheceu pelo nome, talvez irá se lembrar de ter visto um duende trajando roupas verdes em algum desenho animado, ou de alguma festa onde quase tudo é verde e cheia de trevos, realizadas principalmente em escolas de inglês e pubs irlandeses. Não?

Lembrando ou não lembrando, o que mais interessa pra gente aqui é:
Mas o que isso tem a ver com cerveja? Calma, vamos explicar…

A origem do Dia de São Patrício e seus símbolos

O Dia de São Patrício (em inglês: Saint Patrick’s Day e em irlandês Lá ’le Pádraig u Lá Fhéile Pádraig), é a festa anual que celebra São Patrício, um missionário cristão e santo padroeiro da Irlanda, considerado o fundador da Igreja Católica no país. É normalmente comemorado no dia 17 de Março (inclusive é feriado na Irlanda), ou seja, dia em que esta matéria foi publicada.

Neste dia há desfiles pelas ruas das grandes cidades irlandesas. As pessoas vestem-se de verde e pintam trevos na cara. Por que o trevo? Explicaremos mais tarde. A cor verde é associada ao dia de St. Patrick porque é a cor da Primavera, da Irlanda (considerada a Ilha Verde) e do trevo.

Pronto, um ponto explicado: no St. Patrick’s Day tudo é verde porque a Irlanda é a ilha verde e o trevo é verde.

Mas, e o trevo? Vamos a ele…

Apesar de ter nascido na Grã-Bretanha, São Patrício foi vendido como escravo para a Irlanda, quando tinha penas 16 anos, voltando para casa 6 anos depois, após ter conseguido fugir de seu cativeiro. Desde então, dedicou-se à vida religiosa e acabou retornando à Irlanda para pregar o Evangelho. Utilizava o trevo de três folhas para explicar como a Santíssima Trindade (Pai, Filho, Espírito Santo) era três e um ao mesmo tempo.

É por isso que o trevo de três folhas sempre acompanha a identidade de St. Patrick. Mas continuando…

Por todo seu trabalho, São Patrício ficou famoso também em outros países, principalmente Inglaterra e Estados Unidos, devido à grande imigração irlandese. Nos Estados Unidos, quase todo o país comemora o dia, mesmo os não descendentes de irlandeses. Este ano, a festa foi comemorada neste fim de semana que passou, com defiles pelas ruas e muita cerveja. Cerveja!!! Mas, de onde surgiu a cerveja nesta história toda?

Com o passar do tempo, as conotações religiosas da comemoração do Dia de São Patrício foram ficando cada vez mais distantes, e a data passou a ser uma celebração da amizade e da cultura irlandesa. E falando em festa, amizade e cultara irlandesa, nada mais lógico do que ter muita CERVEJA!!! E Guinness, de preferência.

Portanto, a cerveja faz parte da festa simplesmente porque não existe festa sem cerveja, certo?!

Agora sim, tudo explicado! Ops… não tão cedo. Ainda falta apenas explicar de onde veio o tal duende…

O duende, ou melhor, o leprechaun, é uma figura mitológica do folclore da Irlanda. Acabou sendo incorporado à celebração de St. Patrick’s Day ao longo do tempo, já que o dia celebra cada vez mais a cultura irlandesa.

Agora que você já sabe tudo sobre a celebração mais agitada da Irlanda, resta fazer a sua parte: não saia de casa essa noite se não estiver vestido de verde, com um trevo de três folhas e pronto para beber algumas cervejas. O leprechaun… bem, o leprechaun vai depender de quantas forem as cervejas desta noite.

Onde celebrar St. Patrick’s Day

Para você que quer curtir essa festa, procure os pubs irlandeses. São Paulo, Rio de Janeiro e várias outras capitais possuem um ou mais destes bares, onde a festa é garantida, muitas vezes com cerveja verde também!!

Em São Paulo, haverá o festival Cara Irlanda. Organizado pelo instituto Brasil-Irlanda (Irish Institute), proporciona um verdadeiro mergulho na cultura irlandesa. Serão 10 dias com muitas atividades tais como música, teatro, palestras, dança, turismo, cerveja, tradições celtas, irish coffee e outras atrações. O evento terá início no dia 17 e se encerra no dia 27.






O Momento Online - Cultura e Lazer


24/03/2009

São Paulo se encontra com São Patrick

Festa tradicional irlandesa movimentou a capital paulista

Apesar de Nossa Senhora da Penha e do apóstolo Paulo serem os padroeiros da capital paulista, o desconhecido Saint Patrick (ou São Patrício) reuniu, ao longo do último mês, milhares de pessoas em sua homenagem. Festejado no dia 17 de março, Saint Patrick é o padroeiro da Irlanda e possui devotos por todo o mundo, tanto por causa da grande imigração irlandesa, quanto pela fama dos pubs, onde a data é comemorada com com muita cerveja e diversão.

Em São Paulo, a festa começou no dia 13 de março, com o 1º Festival Cara Irlanda, organizado pelo Instituto Brasil – Irlanda. Teatros e danças irlandesas foram apresentados em diversos pontos da cidade, e livros como "Viagens de Gulliver" e sobre a cultura celta forma lidos para crianças na Livraria Cultura. Entretanto, os lugares mais procurados para a comemoração do dia de Saint Patrick foram mesmo os famosos pubs.

Maria Alice Ancona Lopez, presidente do Instituto Brasil - Irlanda, explica que a participação dos paulistanos superou as expectativas do Instituto. “A curiosidade dos paulistanos em buscar conhecimento de uma cultura diferente fez com que as nossas expectativas fossem superadas, aumentando ainda mais a aderência a esse tipo de evento”, diz Maria Alice. Já em relação aos aspectos religiosos, ela afirma que, independente da religião, em todas as partes do mundo se comemora o dia de Sant Patrick. “Não importa se a pessoa é católica ou protestante, Saint Patrick é alegria. Nesse dia todos os devotos de Patrick saem de suas casas à procura dos pubs para beber e se divertir”, ressalta. Para o próximo ano, existem projetos de aperfeiçoamento do festival e possivelmente haverá comemorações em outras cidades do país.

O paulistano Pedro Garcia, participou da comemoração em um dos diversos pubs da cidade, conta que, embora conheça pouco sobre a cultura irlandesa, festeja o dia de Saint Patrick há dois anos. “Foi graças à influência de um amigo que participo das comemorações de Saint Patrick, antes não levava tão a sério”, diz Garcia, que afirma não se surpreender com a adesão dos brasileiros. “A grande característica de São Paulo é a mistura de etnias e culturas, cada uma com curiosidades sobre a outra. Isso faz com que o nosso conhecimento seja enriquecido e não fique apenas na cultura local”, ressalta.

A brasileira Priscyla Pinheiro mora na Irlanda há cinco meses e explica que, em Castlebar, pequena cidade onde vive, as comemorações de Saint Patrick acontecem desde as escolas primárias até os clubes de idosos, passando por muitos outros grupos sociais. Músicas típicas e concursos de danças são realizados para celebrar Patrick, mas a procura pela famosa cerveja Guinness nos pubs é bem maior. “Essa festa irlandesa é como se fosse o carnaval do Brasil. Até a cerveja se torna verde nesse dia [a cor da Irlanda], tamanha paixão dos irlandeses por Saint Patrick”, conta.

Se você perdeu os festejos deste ano na capital paulista, fique atento para as comemorações do próximo ano. As informações sobre o Festival Cara Irlanda estão disponíveis no site: www.irishinstitute.com.br

Autor: VANESSA MORAIS





Revista Cafeicultura - Consumo

12/03/2009

IRISH COFFEE FESTIVAL MARCA UNIÃO ENTRE BRASIL E IRLANDA

O café do Brasil combinado com o uísque irlandês e finalizado com uma suave camada de creme transformou-se na bebida internacionalmente conhecida como Irish Coffee. Por representar a calorosa união entre Brasil e Irlanda, o Irish Coffee será um dos sabores irlandeses do festival ‘Cara Irlanda’ e estará presente em 38 das melhores cafeterias brasileiras, de 17 a 27 de março.

A iniciativa tem o apoio da Abic (Associação Brasileira da Indústria de Café), por meio do programa CCQ (Círculo do Café de Qualidade), e se integra ao ‘Cara Irlanda’, festival da cultura irlandesa, realizado pelo Irish Institute / Instituto Brasil-Irlanda, na semana em que se comemora o Saint Patrick´s Day, no dia 17, data nacional daquele país. As informações partem da Tempo de Comunicação.

Durante todo o período, as cafeterias darão destaque ao Irish Coffee e a outros drinques e ainda distribuirão folhetos que contam a história dessa bebida. Todas as casas de café participantes fazem parte do CCQ. São elas: Maria Fumaça Caffé, de Salvador (BA); Santa Clara Café Orgânico, com uma loja em Fortaleza (CE) e outra em Natal (RN); Santa Sohia Capheteria, de Belo Horizonte (MG); Vozzuca Cafés Especiais, de Uberlândia (MG); Lucca Cafés Especiais, com duas lojas em Curitiba (PR); São Braz Coffee Shop, com quatro lojas em Recife (PE); Armazém do Café, com oito lojas; Rubro Café, com três lojas; Café Sorelle, com duas lojas, e Tabaco Café, com três lojas, todas no Rio de Janeiro (RJ); Café do Porto, com três lojas em Porto Alegre (RS); Fran´s Café, com duas lojas em São Paulo e uma em Bauru (SP); Suplicy Cafés Especiais, com quatro lojas em São Paulo (SP); e Cafeteria do Museu, instalada no Museu do Café, em Santos (SP).

IRISH COFFEE, A HISTÓRIA
O frio, no inverno dos anos 40, parecia insuportável aos passageiros que, vindos dos Estados Unidos, desembarcavam em Foynes, Country Limerick, cidade a Oeste da Irlanda, após 18 horas de vôo, nos então chamados "barcos voadores".

Para aquecê-los, ao invés de oferecer apenas uma xícara de café quente, Joseph Sheridan, chef do restaurante do aeroporto, decidiu acrescentar uísque irlandês à bebida. Reconfortados, perguntavam: "É café brasileiro"? "Não. É Irish Coffee", respondia.

Este casamento entre o bom, forte e saboroso café do Brasil e o uísque irlandês tornou-se sucesso absoluto na década seguinte, em San Francisco (EUA), levado por Stanton Delaplane, jornalista do San Francisco Chronicle, depois de prová-lo na Irlanda. Apresentado à Los Angeles, na era de ouro do cinema, rapidamente virou sucesso em todo o país e no mundo.

IRISH COFFEE, A RECEITA (CAIFE GAELACH)
Ingredientes: 1 dose (25 ml) de Irish whiskey; 1 colher (chá) de açúcar; 1 xícara grande de café, bem quente; Creme de leite, batido.

Preparo: 1) Aqueça o copo (preferivelmente tipo caneca de vidro) em água quente; 2) Coloque o açúcar; 3) Despeje o uísque sobre ele; 4) Junte o café bem quente, deixando uns 3 cm de espaço livre, para o creme; 5) Mexa delicadamente para dissolver o açúcar e misturar o café ao uísque; 6) Coloque o creme batido sobre o líquido.

Dica: Para aproveitar todo o sabor, a mistura de café e uísque deve ser bebida através do creme.

O QUE É O CCQ
O Círculo do Café de Qualidade é um símbolo de diferenciação, junto aos consumidores, dos melhores estabelecimentos que trabalham corretamente com cafés de alta qualidade. Para obter este símbolo, as casas passam por verificação feita por auditores, que atestam e confirmam a adequação de todos os procedimentos, desde higiene e manuseio dos alimentos até o preparo do café e a satisfação dos clientes.

IRISH INSTITUTE E ‘CARA IRLANDA’
Criado para promover o intercâmbio cultural entre Brasil e Irlanda, em todos os seus aspectos, e a amizade entre brasileiros e irlandeses, o Irish Institute /Instituto Brasil-Irlanda, que completou recentemente um ano de existência, realiza, agora seu primeiro festival, ‘Cara Irlanda’, que será inaugurado no dia de St Patrick, 17 de março, também data nacional da Irlanda.

‘Cara Irlanda’ (Cara, em irlandês, significa amigo) terá um conjunto de eventos abrangendo Literatura, Música, Teatro, Dança,Turismo, Gastronomia, Cerveja, Tradições Celtas, Turismo, Educação. E mais: o Gaélico, idioma oficial do país, St Patrick e as ligações históricas entre Brasil e Irlanda, também terão destaque. Com exceção do Irish Coffee Festival, que tem abrangência nacional, as demais atividades terão como base principal a Livraria Cultura do Conjunto Nacional (Avenida Paulista 2073 – São Paulo/SP), onde acontecerão palestras e workshops. As atividades são gratuitas e abertas ao público e ainda haverá prêmios aos participantes.

Escrito por Paulo André (PA)





18/03/2009

guia DA FOLHA ONLINE<

Festival Cara Irlanda foca no aumento do turismo brasileiro

CAMILA NEUMAM (Colaboração para a Folha Online)

Eventos de música, literatura, dança e culinária irlandesas estão espalhados pela cidade de São Paulo até o dia 27 deste mês na primeira edição do Festival Cara Irlanda, organizado pelo Instituto Brasil-Irlanda (Irish Institute).

A base principal do evento será a Livraria Cultura, localizada na avenida Paulista, que receberá palestras e workshops até o dia 23 de março. Todas as atividades, exceto as oferecidas pelos bares, são gratuitas e abertas ao público.

O lançamento oficial do festival aconteceu na noite desta terça (17) no teatro Eva Herz, na Livraria Cultura da Avenida Paulista, com a presença do embaixador da Irlanda no Brasil, Michael Hoey, além de membros do instituto. A data da abertura foi intencional -- em 17 de março é comemorado o Saint Patrick's Day (Dia de São Patrício) que corresponde ao santo padroeiro do país.

Turismo e Guinness

Segundo o embaixador Michael Hoey, o festival tem o objetivo de ampliar a conexão entre as culturas brasileira e irlandesa e o turismo intercultural, que ainda é pouco valorizado no Brasil.

"O Dia de Saint Patrick é a festa nacional da Irlanda, por isso o evento é importante para fazer os brasileiros e a população de São Paulo examinar um pouco mais a cultura irlandesa, sua literatura, música, dança, além da cerveja - na Irlanda temos a Guiness", disse Hoey em tom bem humorado.

Hoey acentua que a Irlanda atrai milhares de brasileiros em busca de escolas de inglês ou de trabalho por ano, mas ainda não se mostra atraente como destino de férias ou de consumo.

"Há muitos brasileiros que fazem turismo em Londres, Paris, e como um voo de Paris à Irlanda dura apenas uma hora, estamos tentando atrair os turistas brasileiros a visitar o país. Dentre os sete mil brasileiros que vão para a Irlanda para estudar inglês, queremos atrair suas famílias para também visitar o país", afirma o embaixador.

2010

Para a presidente do Instituto Brasil-Irlanda, Maria Alice Ancona Lopez, o evento tem potencial para tornar-se anual e, consequentemente, ampliar os conhecimentos dos brasileiros sobre a cultura do país.

"A gente pretende fazer o festival anualmente, fazer com que entre no calendário de São Paulo; o de 2010 promete ser ainda mais bombástico", afirma Lopez.


17/03/2009

Festival em São Paulo propõe mergulho na cultura irlandesa

da Folha Online

Começa nesta terça-feira (17) o Cara Irlanda, festival sobre a cultura irlandesa que acontece em São Paulo (SP) entre os dias 17 e 27 deste mês. O dia de início do festival corresponde ao Dia de Saint Patrick, principal data de celebração na Irlanda.
Peter Morrison/AP
Rio Liffey, que corta a cidade de Dublin(Irlanda, já inspirou artistas e escritores
Rio Liffey, que corta a cidade de Dublin (Irlanda), já inspirou artistas e escritores

A programação reúne atividades que visam divulgar a realidade irlandesa, por meio de aspectos culturais como literatura, música, teatro, dança e gastronomia, além do turismo e da educação. As atrações valorizam os símbolos do país, como a cerveja, as tradições celtas, o gaélico (idioma oficial do país) e o próprio padroeiro, assim como as ligações históricas entre Brasil e Irlanda.

Ciclo de palestras na Livraria Cultura investiga a cultura irlandesa
Festival irlandês promove palestras sobre teatro e literatura
Programação de shows divulga a música irlandesa
Fotos e textos sobre a Irlanda revelam peculiaridades sobre o país

O evento é organizado pelo Instituto Brasil-Irlanda (Irish Institute), entidade criada em 2008 para promover a Irlanda no Brasil. "Desde a inauguração, já fizemos algumas atividades para difundir a cultura do país. O festival é nossa primeira grande ação e visa a fortalecer as relações entre brasileiros e irlandeses", explica Maria Alice Ancona Lopez, presidente do instituto.

"Buscamos abranger na programação as mais diversas áreas possíveis que proporcionassem um 'sabor' de Irlanda a São Paulo. Nosso conceito principal é trabalhar a cultura", finaliza.

A base principal do evento será a Livraria Cultura, localizada na avenida Paulista, que receberá palestras e workshops até o dia 23 de março. Todas as atividades, exceto as oferecidas pelos bares, são gratuitas e abertas ao público.

comments (0) / Read More

Irish Blessings

O dom da palavra é parte fundamental da cultura irlandesa. E ela se manifesta de forma vibrante nos chamados "Irish Blessing" que vão dos votos de alegria, sorte, sucesso para uma boa vida, às bênçãos de fundo religioso, especialmente aquelas ligadas a St Patrick.

E nelas também não falta o toque bem humorado do modo de ser dos irlandeses. Aqui algumas delas.

comments (0) / Read More

O Instituto Brasil-Irlanda - na midia

Aqui alguns aspectos da cobertura que o Instituto teve por parte da imprensa. Como a entrevista, na sua inauguração, feita pela TV Panrotas.  

comments (0) / Read More

O festival Cara Irlanda - a inauguração

Cara Irlanda - um festival que trouxe um pouco da Irlanda para São Paulo! Foram dias de intensa movimentação em torno da cultura, hábitos, costumes e história deste país que tanto encanta os brasileiros. Um aperitivo para quem ainda não conhece e uma deliciosa recordação para quem já visitou a Ilha Esmeralda.

Nem mesmo a chuva, que torrencialmente caiu no final da tarde do dia 17 de março (nada mais irlandês do que chuva, não é?) impediu que celebrássemos, no dia de St Patrick, o início de Cara Irlanda com a alegria que caracteriza irlandeses e brasileiros.

A abertura deste festival composto de uma série de eventos todos relacionados com a cultura irlandesa em seus múltiplos aspectos, aconteceu no teatro Eva Herz, da Livraria Cultura.

O embaixador, Michael Hoey, a presidente do Instituto Brasil-Irlanda,
Maria Alice Ancona Lopez e o ator Antonio Destro

comments (0) / Read More

O festival Cara Irlanda - as palestras



Foram três dias de intensa atividade, na Livraria Cultura, em palestras que abordaram muitos aspectos da cultura irlandesa:

"James Joyce, um breve itinerário de leitura"
, na palavra de um especialista, Marcelo Tapia, lotou o lounge da Livraria Cultura e os felizardos que participaram ainda tiveram a "canja" de Tápia cantando a única canção composta por Joyce.




  Palestra: "James Joyce: um breve
itinerário de leitura" Marcelo Tápia












Ana Paula Pires:
psicanalista




Marcelo Tápia: poeta, tradutor e editor.

comments (0) / Read More